Viver um Dia dos Namorados inesquecível é algo que muitos casais gostariam de fazer em sua história. A data, celebrada em 12 de junho no Brasil, é comemorada nos outros países do mundo em 14 de fevereiro, no Dia de São Valentim, o que não impede que muitos casais brasileiros aproveitam a ocasião para reafirmar seus sentimentos ou para reacender o romance que, ao longo do tempo, pode ter ficado um pouco adormecido.

Se você está se perguntando o que pode fazer para ter uma Dia dos Namorados inesquecível, esse post é para você. E se você quer fazer algo surpreendente e inovador, aqui também é o seu lugar.

Mais do que sugerir uma lista de presentes para essa data com base no perfil do seu amor, vamos dar algumas dicas para ter um relacionamento mais pleno, feliz e saudável, começando com algumas atitudes nesse Dia dos Namorados. Essa, com certeza, é uma forma de surpreender quem você ama: demonstrando que você se importa com ela e com a relação de vocês.

Para isso, conversamos com as psicólogas do Zenklub, Ana Paula Marinho e Anna Luisa Brant Frimm, sobre que atitudes podemos tomar para aprimorar o relacionamento a dois. Confira:

Se conhecer melhor é uma forma de preservar o seu relacionamento

“Por diversas vezes eu pergunto o que as pessoas procuram em um relacionamento afetivo e, na maioria das vezes, elas não sabem! Outras não entendem porque continuam em um relacionamento afetivo que só lhes causam dor e sofrimento. Esses são indicadores de falta de autoconhecimento, que pode promover a baixa autoestima e a dependência afetiva”, conta Ana Paula Marinho.

A psicóloga afirma que ter autoconhecimento facilita “o encontro com o seu verdadeiro potencial”, além de auxiliar a encontrar respostas para as nossas questões mais íntimas. “Além disso, eleva a autoestima, pois você passa a conhecer os seus recursos para lidar com os problemas e conflitos que se apresentam, não somente no relacionamento afetivo, mas também, no seu dia a dia”, explica ela.

Trabalhar a sua autoestima pode evitar o ciúme

Se conhecer melhor e trabalhar a sua autoestima é algo que você pode fazer por você e que vai influenciar diretamente no seu relacionamento, trazendo inúmeros benefícios para o casal, já que sentimentos como o ciúme, por exemplo, podem ser controlados a partir do momento que entendemos por que ele vem à tona.

“Eu diria que [o ciúme] está relacionado não somente com a insegurança, mas também com a falta de autoestima. Muitas pessoas têm um ciúme exagerado porque acreditam que têm pouco ou nenhum atrativo para manter um relacionamento afetivo”, diz Ana Paula Marinho.

Para a psicóloga Anna Luisa, “o excesso de ciúmes nos relacionamentos amorosos se torna um problema, levando a um desgaste da relação, em função das infinitas brigas e cobranças. Os parceiros perdem totalmente a tranqüilidade”.

Além disso, se conhecer diminui medos, inseguranças e ansiedades que podem aparecer durante o relacionamento afetivo, como explica Ana Paula. “Você também aprende a lidar com seus comportamentos nocivos, como o ciúme e a insegurança”.

Ser sincero (com você e com o outro) é sempre a melhor escolha

Estar em um relacionamento exige que tenhamos disponibilidade para ouvir o outro e para fazer concessões em benefício do casal.  A psicóloga Ana Paula Marinho alerta: “As concessões devem ser feitas de forma que fique bom para ambos os lados. Isso demanda muita conversa e também compreensão e paciência”.

Por isso, seja sincero consigo mesmo, e veja se quando você faz uma concessão você está, de fato, compreendendo o motivo daquela atitude ou se está fazendo apenas para agradar o parceiro.

“Há casos em que as pessoas só fazem concessões para agradar o outro. Esses Na maioria das vezes, essas pessoas são dependentes do relacionamento afetivo e com medo excessivo de perder o parceiro acabam cedendo a todas as vontades do outro.  Para esses casos eu recomendo fazer terapia, para entender a origem dessa dependência e poderem resolver com mais facilidade esse impasse”, diz Ana Paula.

Para a psicóloga Anna Frimm, “uma relação saudável seria aquela que cada indivíduo tem a sua própria identidade preservada e deseja fazer o bem à pessoa amada, sem esperar nada em troca”.

Gostou das nossas dicas? Fazer terapia (individual ou de casal) pode te ajudar a se conhecer ainda melhor e a tornar o seu relacionamento mais feliz e saudável. Quer experimentar? Clique no banner abaixo para agendar uma consulta online no Zenklub.

especialistas em relacionamento

Zenklub

Zenklub

Proporcionar um estilo de vida mais saudável e permitir que as pessoas se empoderem da sua saúde emocional e bem-estar é o objetivo do Zenklub. Para além das matérias no blog, no site você pode consultar um psicólogo por vídeo-chamada de onde estiver. São mais de 80 psicólogos a um clique de distância.
Zenklub